quinta-feira, 21 de agosto de 2014

Tom e Cecília (fade in/fade out)

Tom pega a fotografia e olha por alguns segundos. Sente um leve tremor pelo corpo, e olha com cautela para sua companheira ao lado. Ela viu, mas irá deixar passar dessa vez. Ele coloca a foto em cima de uma pequena bancada ao lado da cama, e se despede pra dormir.
Cecília espera com cuidado até que seu amado durma e só então vai buscar a foto do outro lado do quarto. "Uma bela imagem" - Pensa ela. Não se deu ao trabalho de sair da frente de Tom, e continua ali mesmo, em pé olhando a fotografia. Cai profundamente no mundo paralelo da imagem e se sente dentro dela por alguns instantes. Muitas pessoas sorriem, e outras mais ao canto parecem estar contando um segredo umas as outras. Os olhos ávidos de Cecília não deixam nada passar em branco e ela vê a si mesma olhando para uma arvore bem ao canto. Seguindo seus olhos ela vê cortes em uma parte do tronco e tenta ler oque está ali. Passado e presente se misturam e ela sente a mão de Tom tocar seu ante-braço. Num susto ela "acorda" e olha para seu fiel escudeiro. Ele pergunta oque houve, com uma expressão preocupada em seu rosto. Cecília diz que queria saber o que estava escrito naquela árvore e Tom sorri. Aos poucos o sorriso se torna uma gargalhada e logo, eles dois estão rolando na cama sem mesmo entender o porquê. Gastaram um tempo ambivalente para que pudessem fazer os seus  rostos voltarem ao normal e deixar aqueles largos sorrisos desaparecerem - mas não por completo - de seus rostos. Ela pergunta de novo sobre a escritura na árvore. Tom apenas pergunta que horas são, e então, Cecília se lembra. Por um longo tempo se beijaram, pra depois consumar o fato que estão juntos há tanto tempo.
A foto está repousando no chão, enquanto Tom e Cecília dorme de mãos dadas.
Lá fora, o mundo não imagina que ali dentro, estão os únicos que podem ser oque querem, sem fazer esforço pra isso.